Dólar comercial R$ 5,08 0.63%
Euro R$ 6,04 +0.71%
Peso Argentino R$ 0,05 +0.76%
Bitcoin R$ 210.151,14 -2.161%
Bovespa 125.675,33 pontos -0.48%
São Gonçalo Saúde

Idosos enfrentam problemas com vacinação contra Covid-19 e marcação de exame em São Gonçalo

"Penar na fila para arriscar pegar uma ficha, é assim que idoso é prioridade?"

20/05/2021 10h26 Atualizada há 2 semanas
Por: São Gonçalo Agora
Quem precisa pegar ficha para marcação chega entre 4h e 5h da manhã e apenas 20 ou 30 fichas são entregues.
Quem precisa pegar ficha para marcação chega entre 4h e 5h da manhã e apenas 20 ou 30 fichas são entregues.

Reclamações são antigas, do conhecimento da Secretaria Municipal de Saúde, porém a situação ruim para quem procura por marcação de exame/consulta médica continua da mesma forma.

De acordo com essas reclamações, quem precisa pegar ficha para marcação chega entre 4h e 5h da manhã e apenas 20 ou 30 fichas são entregues.

A senhora Olga, 77 anos, relatou a nossa reportagem que chegou por volta das 6h dessa manhã (20/05) e já não tinha mais ficha para ela.

"Que humilhação para o ser humano, cheguei 6h e não tinha mais ficha, normalmente entregam 20, hoje foram 30 e mesmo assim não consegui, mandaram voltar de tarde mais acontece que na minha idade já foi uma luta vir pela manhã, não tenho como voltar a tarde".

O Sr. Raimundo disse que é falta de respeito com o cidadão e principalmente os idosos.

"Falam que idoso tem prioridade, na vacinação começaram pelos idosos, na verdade é uma falsa preocupação com a gente pois aqui somos obrigados a chegar de madrugada, penar na fila para arriscar pegar uma ficha, é assim que idoso é prioridade?".

Dezenas de pessoas entre elas idosos se arriscam ao sair de casa nas primeiras horas da manhã, temendo assaltos, infecção pelo vírus (Covid-19), muitos gastam dinheiro com transporte em busca de atendimento em saúde e no final não conseguem se quer a ficha para a marcação do serviço que precisa.

Além do problema relatado acima, idosos também estão enfrentando a falta de informação a respeito da vacina contra o Coronavírus.

Nesta manhã, (20/05), o senhor Ubirajara relatou um tumulto e falta de informação precisa para agendamento e a existência ou não do imunizante à disposição do público alvo.

"Pessoal só vocês vendo a bagunça que está aqui no Prédio, minha vacina era para o dia 4/05, neste dia não tinha vacina, me falaram que iriam me ligar quando a vacina chegasse, até hoje não me ligaram, depois fiquem sabendo quem agendou para dia 4 seria agora no dia 20/05, vim aqui para o Prédio, cheguei aqui cedo, agora o pessoal liberou todo mundo dizendo que não tem mais vacina".

De acordo com a secretaria de saúde o município recebeu 750 doses de Coronavac, para aplicação da segunda dose.

Para pacientes com agendamento de 01 à 03 de maio, a vacinação será nesta quarta na Escola Prédio. Na próxima quinta-feira (20), segue nas comunidades; Boa Vista e José Sarney.

Para pacientes com agendamento de 03 à 05 de maio, a programação segue na Escola Prédio. Sexta-feira (21), será realizada nas comunidades: Magalhães, Mercês, Santana e Gravatá, e na Escola Prédio, para pacientes com agendamento de 05 à 08 de maio.

As pessoas com agendamento para datas anteriores a estas, devem procurar a unidade de saúde para um novo agendamento, pacientes que foram vacinados na Lavanderia, Murilo leite, Gravatá ou pertencem as Unidades da Estação ou Lavanderia, devem procurar a Escola Prédio para vacinação, de segunda à sexta, das 08h às 12h e das 13h ás 16h.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias