HJ STOREBR - super banner topo
PAGSEGURO anúncio home
PREVIDÊNCIA

Governo espera concluir 2º turno da Previdência até 4ª-feira, diz Onyx

“Nós queremos a nova Previdência, se possível, aprovada no inicio da noite de amanhã”

06/08/2019 16h13
Por: Sandro Araújo

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse nesta terça-feira que espera concluir a votação do segundo turno da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados até o início da noite de quarta-feira e, embora não tenha revelado a estratégia do governo, disse que trabalhará para garantir uma votação do mesmo tamanho do primeiro turno, quando a proposta teve 379 votos.

“Nós queremos a nova Previdência, se possível, aprovada no inicio da noite de amanhã”, disse ele, após encontro na residência oficial com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

O ministro, que preferiu não revelar qual será a estratégia do governo, afirmou que vai tentar começar a votação da proposta ainda nesta terça e que sabe que será necessário construir um quórum para votação e tentar quebrar interstícios —prazos regimentais para realizar a votação propriamente dita.

Onyx disse que a dificuldade é a mesma que o governo teve no primeiro turno, mas disse que, embora almeje 379 votos, é possível haver perda de “um, dois votos”. Tratou ainda como “episódio superado” ao ser perguntado sobre atrito com governadores do Nordeste, ao destacar que “há de parte de alguns governadores de oposição” uma tentativa de tirar o máximo do episódio.

O ministro se referia indiretamente ao episódio ocorrido em julho em que, sem saber que o microfone estivesse captando a conversa, Bolsonaro disse: “Daqueles governadores de ‘paraíba’, o pior é o do Maranhão; tem que ter nada com esse cara”. Depois em entrevistas negou que tivesse chamado nordestinos de “paraíbas”, um forma pejorativa de se referir a pessoas da região.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.