LUDIMILLA DIA 09/10
PAGSEGURO anúncio home
POLÊMICA

Pai de Neymar: "Prefiro crime de internet ao de estupro"

Pai do atleta disse que o próprio Instagram excluiu o vídeo e explicou como o filho e a suposta vítima se conheceram

03/06/2019 11h12
Por: Sandro Araújo
Fonte: LANCE
Neymar durante um treinamento da Seleção Brasileira na Granja Comary (Lucas Figueiredo/CBF) Foto: LANCE!
Neymar durante um treinamento da Seleção Brasileira na Granja Comary (Lucas Figueiredo/CBF) Foto: LANCE!

Após toda a polêmica do vídeo divulgado por Neymar no fim de semana, o mesmo foi retirado das redes sociais. No entanto, em entrevista à TV Bandeirantes, o pai do atleta afirmou que o próprio Instagram foi o encarregado de excluir o vídeo. Neymar pai também revelou que prefere o crime de internet ao de estupro.

"Não tínhamos escolha. Eu prefiro um crime de internet a de estupro. Foi o Instagram que tirou. Pelas regras do Instagram estava normal. Ele preservou a imagem, o nome. Ele precisava se defender rapidamente. É melhor ser verdadeiro e mostrar o que aconteceu. Sabíamos da chantagem, mas não da coragem de fazer um B.O. em cima de uma situação dessas", comentou.

Neymar usou os prints de tela para se defender das acusações de estupro. O jogador divulgou as imagens na ferramenta IGTV, do Instagram. Confira outros trechos da entrevista de Neymar pai:

Preparação do staff do jogador

"Estamos tranquilos em relação a tudo. Estamos prevenidos às coisas que iriam acontecer. Era uma escolha tornar público a situação porque sabemos o tamanho do Neymar e tudo o que diz respeito a ele fica grande, fica uma especulação fora do comum. Quando a gente percebeu que chegaria a público através de uma extorsão, procuramos nossos advogados, recebemos essas pessoas para saber o que elas queriam. Quando fomos informados vimos que era dinheiro e negamos. Fui procurado por um advogado que se dizia representante dessa moça", disse.

Momento familiar

"Estamos muito abalados. É muito difícil saber que isso não é verdade e enfrentar essa situação. Há muito tempo atrás, quando o Neymar saiu do Santos, fomos acusados de sonegação fiscal, já fomos absolvidos e até hoje levamos o nome de sonegadores. Imagina uma situação dessas e você ver seu filho chamado de estuprador. Por isso queremos que ele se pronunciasse. Fizemos o possível para não expor a menina", revelou.

Início da história

"Quando o Neymar percebe que estava sendo vítima de alguma coisa, que a menina muda a personalidade, ele toma o cuidado de guardar as mensagens e percebe que estava sendo filmado. Ele percebeu que tinha alguma coisa ele não queria mais, ele queria que ela fosse embora. Quando ele percebe que ela queria ver ele novamente. Até esse momento ela não pediu dinheiro. Ele bancou (a viagem). Não teve dinheiro envolvido, foi uma relação de paquera. Eles se conheceram pela rede social, foram falando e resolveram se encontrar", explicou.

Inexperiência do filho

"Experiência não se transfere. Por mais que eu aconselhe, fale com ele, é um cara de 27 anos de idade. Se eu pudesse evitar seria fácil para mim. Mas, quando ele percebeu que caiu numa armadilha eu disse: vamos esperar a bomba estourar. Se ele não reconhecer com isso", encerrou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.