17°C 24°C
São Gonçalo dos Campos, BA
Publicidade

Canoagem é o mais novo atrativo turístico do Parque Estadual do Utinga em Belém

Visitantes têm a oportunidade de explorar a beleza natural da Unidade de Conservação a partir da atividade ecoturística autorizada pelo Ideflor-Bio

11/07/2024 às 10h05
Por: São Gonçalo Agora Fonte: Secom Pará
Compartilhe:

A partir deste sábado (13), visitantes do Parque Estadual do Utinga “Camillo Vianna”, em Belém, terão a oportunidade de explorar a beleza natural do local através da canoagem, uma nova atividade ecoturística autorizada pelo Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-Bio). A iniciativa, promovida pela empresa de ecoturismo que atua na Unidade de Conservação (UC), oferece uma experiência única no Igarapé do Yuna.

Para garantir a segurança e preservação ambiental, algumas regras foram estabelecidas. Cada grupo de visitantes deve contar com pelo menos dois condutores habilitados, sendo a capacidade máxima de 12 pessoas por grupo, incluindo os condutores. A atividade pode ser realizada entre 8h e 16h, mas será suspensa em caso de risco de chuva.

O presidente do Ideflor-Bio, Nilson Pinto, ressaltou que com a nova atividade, o Parque Estadual do Utinga “Camillo Vianna” amplia seu leque de opções de ecoturismo, oferecendo aos visitantes uma forma diferenciada de vivenciar a natureza amazônica.

“A canoagem no Igarapé do Yuna promete ser uma experiência inesquecível, conectando os participantes com a exuberante flora e fauna da região. Convido todos a se fazerem presentes em nossa UC neste fim de semana, bem como nos demais dias”, frisou Nilson Pinto.

Cuidados -O condutor de turismo e gerente da Amazônia Aventura, Diego Barros, detalhou sobre quais foram os cuidados que a empresa tomou para iniciar essa nova atividade que promete ser um sucesso. Ele afirma que, quando se fala de UC, é preciso olhar com bastante carinho a parte de legislação ambiental e de segurança.

Continua após a publicidade
Anúncio

“Nós criamos uma atividade totalmente adaptada para o Parque Estadual do Utinga, que é uma UC de Proteção Integral. O respeito ao meio ambiente é uma das nossas prioridades, uma vez que o percurso balizado, acompanhado com o condutor e, também, a segurança faz parte de todas as nossas etapas, seja com a disponibilização de coletes salva vidas, o caiaque especializado para águas tranquilas e ele tem uma estabilidade muito grande, o que impede e dificulta muito que a pessoa vire e caia na água. Portanto, tudo foi pensado com muito carinho para oferecer uma experiência muito divertida, mas também muito segura para o Parque Estadual do Utinga”, explicou o dirigente.

Os visitantes serão orientados sobre a importância de minimizar o impacto ambiental. É fundamental evitar a destinação inadequada de resíduos na água, a remoção de folhas, flores e galhos, bem como a movimentação de sedimentos no fundo do canal. Além disso, o uso do Igarapé do Yuna para banho é estritamente proibido, preservando assim a qualidade da água e o habitat das espécies locais.

Também serão instalados e mantidos acessos seguros ao Igarapé do Yuna, facilitando a entrada e saída dos visitantes de forma controlada e segura. Os condutores que prestarão serviços na trilha aquática deverão apresentar certificação em curso de resgate e primeiros socorros em ambiente aquático, assegurando que estão aptos a lidar com emergências.

Colaboração -De acordo com o gerente da Região Administrativa de Belém, Júlio Meyer, “o acesso de visitantes aos ambientes aquáticos do Parque, como é o caso do Igarapé do Yuna, possibilita uma maior valorização do parque por esses visitantes. O Parque foi criado principalmente para garantir o abastecimento de água para a população da Grande Belém e essa oportunidade de contato é fundamental para valorizar a UC e ajudar a garantir os objetivos para o qual ela foi criada. É importante frisar, ainda, que a atividade possui um sistema de gestão de seguranças e condutores habilitados para realização de resgates em ambientes aquáticos”, detalhou.

Serviço:

A canoagem no Igarapé do Yuna inicia neste sábado (13), das 8h às 16h, e custa R$ 30,00 por pessoa. Durante o mês de julho, o serviço será ofertado todos os dias. A atividade náutica tem início no Centro de Acolhimento do Parque Estadual do Utinga “Camillo Vianna” e segue até a base da Amazônia Aventura, com percurso estimado em 2 km (ida e volta) e duração média de 30 minutos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
São Gonçalo dos Campos, BA
22°
Tempo nublado

Mín. 17° Máx. 24°

22° Sensação
2.15km/h Vento
78% Umidade
100% (3.81mm) Chance de chuva
05h57 Nascer do sol
05h26 Pôr do sol
Seg 27° 17°
Ter 27° 17°
Qua 27° 18°
Qui 22° 19°
Sex 26° 17°
Atualizado às 10h06
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,60 +0,00%
Euro
R$ 6,10 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,63%
Bitcoin
R$ 398,372,26 -0,38%
Ibovespa
127,616,46 pts -0.03%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias