Delivery Espetinho do João
BANNER-728x90px-MAIS-SAUDE-BAHIA-0320-2020-SESAB-
Influenza

Feira de Santana ganha pontos de "drive thru" para vacinação de idosos nesta terça-feira

A estratégia visa reduzir a exposição de pessoas da terceira idade em aglomerações, devido o atual cenário de prevenção ao coronavírus (Covid-19) no país.

São Gonçalo Agora

São Gonçalo AgoraBlog ligado ao site São Gonçalo Agora, também responsável por propagar as mais variadas informações de São Gonçalo dos Campos, na Bahia, e todo o País. Criado maio de 2010, o São Gonçalo Agora está entre os mais acessados, tendo já acumulado cerca de mais de 15 milhões de acessos, motivo pelo qual está sempre em primeiro lugar nas pesquisas realizadas na cidade.

24/03/2020 09h04
Por: Sandro Araújo

Seguindo novas estratégias para a campanha nacional de vacinação contra a influenza, a Prefeitura de Feira de Santana através da Secretaria Municipal de Saúde, estará realizando a vacinação de idosos em 'drive thru', quando o atendimento é feito dentro do veículo. A estratégia inicia nesta terça-feira, 24, na saída E1 do Shopping Boulevard (próximo a academia Selfit) e simultaneamente no estacionamento da UniFTC (localizado na rua Artêmia Pires, bairro Sim) das 13h às 17h.

Para ser vacinado é necessário apresentar documento de identidade e, caso possua, caderneta de vacinação. Os atendimentos estarão sendo organizados por ordem de chegada.

A estratégia de drive thru segue nos dias 25 a 27 de março, nos dois locais, das 8h às 17h.

"A vacina é oferecida exclusivamente ao idoso, o que não impede que outra pessoa esteja conduzindo o veículo", explica a Secretária de Saúde Denise Lima Mascarenhas.

A estratégia visa reduzir a exposição de pessoas da terceira idade em aglomerações, devido o atual cenário de prevenção ao coronavírus (Covid-19) no país.

"O drive thru é fundamental no sentido de reduzir a aglomeração de pessoas nas unidades de saúde, oferecendo pontos de atendimento rápido para quem pode se dirigir de carro. A nova estratégia não exclui as outras, e a vacinação nas unidades continua", enfatizou a Secretária de Saúde.

A campanha de vacinação contra influenza segue entre os dias 23 de março a 22 de maio, tendo como dia D de mobilização nacional o dia 9 de maio. A meta é vacinar 90% de cada público alvo.

Não há contraindicação para a vacina, porém pessoas com febre devem adiar a vacinação e pessoas com alergia a proteína do ovo devem comunicar ao profissional de saúde.

A primeira etapa da campanha atende exclusivamente pessoas acima de 60 anos de idade e trabalhadores da saúde. Os idosos devem procurar as unidades de saúde entre os dias 23 de março a 15 de abril, já os profissionais de saúde serão vacinados no local de trabalho.

Na segunda etapa da campanha, que começa dia 16 de abril a 8 de maio, professores de escolas públicas e privadas, profissionais das forças de segurança e salvamento podem ser vacinados.

A última etapa da campanha abrange crianças de seis meses a menores de seis anos (5 anos, 11 meses e 29 dias), pessoas de 55 a 59 anos de idade, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, gestantes, mulheres em período pós parto, povos indígenas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional. Segue entre os dias 9 a 22 de maio.

A campanha foi antecipada pelo Ministério da Saúde em trinta dias como estratégia para oferecer proteção contra a influenza e reduzir os impactos sobre os serviços de saúde, devido o atual cenário de combate ao coronavírus e seus sintomas semelhantes com a influenza.

Influenza

A influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. É de elevada transmissibilidade e distribuição global, com tendência a se disseminar facilmente em epidemias sazonais e também pode causar pandemias.

A infecção pode levar ao agravamento e óbito, principalmente em indivíduos que apresentem fatores ou condições de risco, como por exemplo: crianças menores de cinco anos de idade, gestantes, pessoas com mais de 60 anos de idade, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

Sintomas

O período de incubação da doença varia entre um e quatro dias. Os sinais e sintomas são muito variáveis, podendo ocorrer desde a infecção assintomática, até formas graves da doença.

A influenza sazonal, quando ocorre aumento de casos entre as estações climáticas mais frias, inicia-se geralmente com febre alta, seguida de dor muscular, dor de garganta, dor de cabeça, coriza e tosse. A febre é o sintoma mais importante e dura em torno de três dias. Os sintomas respiratórios como a tosse e outros, tornam-se mais evidentes com a progressão da doença e mantêm-se em geral de três a cinco dias após o desaparecimento da febre.

Alguns casos apresentam complicações graves, como pneumonia, necessitando de internação hospitalar. Devido aos sintomas em comum, pode ser confundida com outras viroses respiratórias causadoras de resfriado.

Já a Síndrome Gripal (SG) se caracteriza pelo aumento súbito da febre, cefaleia, dores musculares (mialgia), tosse, dor de garganta e fadiga. Nos casos mais graves, geralmente, existe dificuldade respiratória e há a necessidade de hospitalização. Nesta situação, denominada Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), é obrigatória a notificação às autoridades de saúde.

Transmissão

A transmissão ocorre principalmente por partículas eliminadas por pessoas infectadas, como gotículas de saliva ao falar, tossir ou espirrar.

Prevenção

A SG e a SRAG podem ser prevenidas por meio da vacina contra a influenza, oferecida de forma gratuita através do Sistema Único de Saúde. Outras formas de prevenção é a rotina de cuidados respiratórios ao tossir ou espirrar, e a higiene frequente das mãos, evitando colocá-las na boca.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Feira de SantanaFeira de Santana - BA Feira de Santana é um município brasileiro no interior do estado da Bahia, Região Nordeste do país. É a cidade-sede da Região Metropolitana de Feira de Santana e encontra-se localizada no centro-norte baiano, a 108 quilômetros da capital estadual, com a qual se liga através da BR-324. Feira é a segunda cidade mais populosa do estado e primeira cidade do interior nordestino em população, ou seja, é a maior cidade do interior das regiões Norte, Nordeste, Centro Oeste e Sul do Brasil.
São Gonçalo dos Campos - BA
Atualizado às 09h43
27°
Poucas nuvens Máxima: 29° - Mínima: 23°
28°

Sensação

6.7 km/h

Vento

56.8%

Umidade

Fonte: Climatempo
ESPETINHO DO JOÃO retângulo médio
Municípios
O FRANGÃO retângulo médio
Últimas notícias
ESPAÇO CIDADÃO retângulo médio
Mais lidas
APP R.S. GONÇALO retângulo médio
Anúncio