Geral Amazonas

Quadrilha que aplicou golpes avaliados em R$ 200 mil é presa durante ação ‘Pronta Resposta’

Uma quadrilha suspeita de falsificar documentos para adquirir empréstimos bancários foi presa por policiais civis e militares durante a ação.

22/07/2021 18h20
Por: São Gonçalo Agora Fonte: Secom Amazonas
golpes avaliados em R$ 200 mil
golpes avaliados em R$ 200 mil

Uma quadrilha suspeita de falsificar documentos para adquirir empréstimos bancários foi presa por policiais civis e militares durante a ação “Pronta Resposta”, coordenada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM). Deflagrada na tarde de quarta-feira (21/07), a operação resultou na prisão de quatro homens, com idades entre 21 e 27 anos, em um condomínio na avenida Constantino Nery, bairro Chapada, zona centro-sul de Manaus.

A quadrilha aplicou cerca de R$ 200 mil em golpes. Com os presos, as equipes policiais apreenderam diversas identidades e certidões de nascimento falsificadas.

De acordo com a equipe policial, denúncias feitas pelo número 181, o disque-denúncia da SSP-AM, informaram que os homens estavam envolvidos em crimes de estelionato na capital amazonense.

Após diligências, os policiais prenderam os homens em flagrante. Em depoimento, o líder da quadrilha relatou que forjava certidões de nascimento com a ajuda do funcionário de um cartório, localizado em Altamira (PA). Após receber o documento falsificado, os infratores conseguiam emitir identidades falsas, em Manaus. Com isso, solicitar empréstimos bancários em agências da capital amazonense.

Segundo as investigações policiais, os empréstimos feitos pela quadrilha já somam um montante de R$ 200 mil. As investigações em torno do caso vão continuar para identificar o funcionário do cartório, que auxiliava a quadrilha nas falsificações.

Os suspeitos foram conduzidos ao 22º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde foram autuados em flagrante pelos crimes de estelionato e associação criminosa.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias