Tragédia em Brumadinho: 65 mortes confirmadas, 31 corpos identificados


Resumo 

  • Barragem da Vale se rompeu na sexta em Brumadinho, MG; lama destruiu refeitório e prédio da mineradora, pousada, casas e vegetação.
  • Até o momento, há confirmação de 65 mortos; 31 foram identificados; há 279 desaparecidos, 192 resgatados, 386 localizados e 135 desabrigados.
  • Lama removeu refeitório e pousada do local em que ficavam; havia 35 pessoas na pousada.
  • Buscas estão no quinto dia; militares israelenses concentram esforços onde ficava o refeitório; número de mortes deve crescer.
  • Engenheiros que atestaram segurança da barragem foram presos em SP e em MG nesta terça.


O governador de Minas, Romeu Zema (Novo), afirmou em uma entrevista na faculdade Asas de Brumadinho, que as chances de resgatar pessoas com vida é mínima. O governador chegou a considerar a possibilidade de somente corpos serem resgatados do desastre. Além disso, Zema demonstrou preocupação com o acompanhamento do estado da barragem, afirmando que, caso chovesse na região, a lama poderia se mover ainda mais.




Reportagem, Juliana Gonçalves

São Gonçalo Agora

0 Comentários:

Postar um comentário