Padrasto mata enteado portador de síndrome de Down com furadeira na Vila Kennedy

Um garoto, identificado apenas como Pedro e portador de Síndrome de Down, foi assassinado pelo padrasto com um golpe de furadeira no pescoço nesta segunda-feira. Segundo informações, o jovem foi morto porque queria ir à igreja. O crime aconteceu na Vila Kennedy, Zona Oeste do Rio, e o assassino está foragido. O menino chegou a ser socorrido para o Hospital Pedro II, em Santa Cruz, mas não resistiu e morreu.

A Delegacia de Homicídios da Capital está investigando o caso e buscas estão sendo feitas na comunidade em busca do assassino. A brutalidade do crime chocou até diretor do Departamento Geral de Homicídios e Proteção à Pessoa (DGHPP), Antonio Ricardo. "Em 20 anos de carreira nunca vi nada igual. Esse assassino é um monstro", disse o delegado.

Sandro Araújo

0 Comentários:

Postar um comentário