Vem aí a Feira Baiana da Agricultura Familiar

Começou a contagem regressiva para o maior evento da agricultura familiar do estado da Bahia. Vem aí a 9ª Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária, que acontece no Parque de Exposições de Salvador, em paralelo à 31ª Feira Internacional da Agropecuária (Fenagro), de 24 de novembro a 02 de dezembro. A Feira é promovida pelo governo estadual, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e União Nacional das Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Unicafes),

Este ano, a feira traz como tema a Mulher Rural, que vem dando cara e forma para um rural mais humano, inclusivo e produtivo. São 270 empreendimentos, entre cooperativas e associações dos 27 Territórios de Identidade da Bahia, que comercializarão mais de dois mil produtos nos “Armazéns da Agricultura Familiar”.

Como nas edições anteriores, este ano serão lançados novos produtos, a exemplo do Iogurte de Café da Cooperativa de Produção Agropecuária de Jiló (Coopag), Cerveja de Licuri, da Cooperativa Regional de Agricultores/as Familiares e Extrativistas da Economia Popular e Solidária (Coopersabor) e Mix Sertão da Cooperativa Agroindustrial de Itaberaba (Coopaita), composto de frutas desidratadas, castanha de caju e tapioca.

Durante os nove dias, serão comercializados uma diversidade de 2 mil produtos, como doces, geleias, mel, pólen, dendê, cerveja artesanal, chope, cachaça artesanal, café, polpas de frutas, cortes de caprinos e ovinos, pescados, castanhas, temperos, frutas desidratadas, hortifrúti in natura, derivados da mandioca, do licuri, do milho, do umbu, do leite, do cacau, da cana, couro, artesanatos, entre outros.

Ainda para o segmento Comercialização, o evento trará uma “Praça Gastronômica” com culinária trabalhada pela agricultura familiar de 22 regiões da Bahia

No total, 32 mil famílias serão atendidas diretamente com as ações de comercialização efetivadas durante a 9ª Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária.

Cozinha Show

A Cozinha Show - Saberes e Práticas Gastronômica da Agricultura Familiar, chefs de cozinhas renomados e agricultores familiares farão um interação entre a gastronomia e a origem dos alimentos com a apresentação de pratos desenvolvidos a partir dos produtos comercializados no evento. No Espaço de Tecnologias Sociais, 30 organizações sociais, acadêmicas, empresas ligadas ao segmento da agricultura familiar e instituições de pesquisas, para a exposição dos avanços tecnológicos na área da produção, agroindústria e comercialização da agricultura familiar.

Selo da agricultura Familiar

Haverá ainda a entrega do Selo de Identificação da Participação da Agricultura Familiar (Sipaf) de número 3 mil, importante ferramenta para identificar os produtos oriundos da agricultura familiar, que vem crescendo e se organizando para produzir cada vez mais e com mais qualidade.

Capacitação

Além da comercialização de produtos, serão realizados seminários, oficinas, simpósios, workshops, reuniões técnicas, para um público de 4 mil pessoas e instituições do segmento de crédito estarão presentes para apresentar e operar linhas de crédito voltadas para agricultura familiar. Além disso, haverá um Espaço Institucional onde serão apresentadas ações voltadas para o desenvolvimento rural da Bahia.

Realização

Promovido pela SDR em parceria com a com o apoio do Banco Mundial e do Fida, a feira reúne empreendimentos da Agricultura Familiar, Economia Solidária, assentados dos Programas de Reforma Agrária e Crédito Fundiário e Povos e Comunidades Tradicionais da Bahia, para promover a articulação e integração entre os empreendimentos com os diversos segmentos e redes de comercialização existentes no mercado.

Sandro Araújo