PC de São Gonçalo cumpre mais dois mandados de prisão; um deles dentro da própria delegacia

O primeiro mandado de prisão preventiva foi em nome de Gustavo dos Santos Paim, relacionado a um crime praticado por ele em novembro de 2016, na zona rural deste município. Gustavo mais um comparsa roubaram uma moto e um aparelho celular. Informações policiais dão conta que à época apenas Gustavo foi preso e autuado em flagrante, porém obteve judicialmente o benefício do relaxamento passando a responder pelo crime em liberdade.

Após julgamento, na tarde dessa segunda-feira, 14, a polícia civil cumpriu na Rua Eulália da Silva Daltro, no Loteamento Murilo Leite, o mandado expedido pela Drª Ely Christianne Esperon, juíza de Direito da Vara Criminal desta Comarca, onde apresentaram Gustavo ao delegado José Luiz Lapa de Lima, titular dessa Delegacia Territorial, que posteriormente o encaminhou para Feira de Santana.

O segundo mandado se trata de um caso não muito comum de se acontecer, pelo menos nas circunstanciadas em que o mandado foi cumprido.  Por volta das 13h de hoje, o senhor Fernando dos Santos Marques foi preso dentro da Delegacia Territorial de São Gonçalo após tentar levantar informações sobre seu filho, que supostamente teria sido detido por posse de entorpecente. Ao checar os dados pessoais de Fernando, para sua infelicidade a polícia detectou que havia um mandado de prisão contra ele por falta de pagamento de pensão alimentícia de seus filhos.

Após os procedimentos legais dentro da DT Fernando foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) do Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana, para realização de exame pericial e custodiado na carceragem do complexo de Delegacias do Sobradinho.

O senhor pode ficar preso de 30 a 90 dias, com possibilidade de revisão. Vale lembrar que a prisão, que é uma medida civil, não livra o devedor de pagar o débito. Inclusive ele só é solto depois de pagar os valores em atraso. E os presos por dívidas de alimentos devem ficar separados dos demais detentos.


Por Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo