Carlos Germano emite "Nota de Esclarecimento" sobre polêmica religiosa

O prefeito de São Gonçalo dos Campos, Carlos Germano, diante da repercussão da autorização para que os evangélicos orassem pela cidade, assinada em 25 de abril de 2018, vem a público esclarecer que a referida publicação não teve como intenção causar nenhuma dissensão ou debate de cunho religioso, muito menos discussão relacionada a laicidade, pois a mesma não fere tal princípio.

Assim como no caso dos evangélicos, nosso governo apoia todos os demais segmentos que invocam o nome de DEUS, pois Ele nas suas mais diversas interpretações, está presente nas variadas religiões.

O prefeito Carlos Germano, como é sabido, professa a sua fé católica de forma madura, responsável, mas sempre se portou e relacionou com todos os credos de forma respeitosa, harmoniosa e agregadora, como homem público. Nunca refutou participar de ações, solenidades e eventos religiosos de qualquer outra denominação.

O gestor reafirma a sua total harmonia e respeito para com todos que professam, ou não, os mais variados credos, que terão indiscriminadamente total atenção e apoio nos projetos sociais direcionados para o bem de nossa cidade, tendo, como homem público, o pleno discernimento de se relacionar com esmero, respeito e harmonia com todas as religiões.

Na oportunidade, se algum cidadão ou religião se sentiram ofendidos pela mensagem, o prefeito, de forma humilde e sincera, pede as mais sinceras desculpas, reafirmando a sua obrigação de governar para todos, primando pelo diálogo inter-religioso, sem distinção de qualquer natureza. Enfatizando que São Gonçalo dos Campos não estará na contra mão da sociedade brasileira, uma vez que, a pluralidade e a diversidade religiosa será respeitada em toda a gestão, conforme o exposto.

Prefeitura Municipal de São Gonçalo dos Campos - Governo Novos Tempos
Assessoria de Comunicação
23/05/2018
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo