Acidente com van de passageiros na BA-502 em São Gonçalo deixa 1 vítima fatal e 6 feridos

Um grave acidente na manhã desta terça-feira (30), por volta das 5:30h, na BA-502 altura da empresa JBS, em São Gonçalo dos Campos, envolvendo um micro-ônibus da empresa Transoares, placa OZQ-0832, e uma van da ASSTASGA (Associação de Transporte de São Gonçalo dos Campos), de placa NZR-7860, vitimou fatalmente Walter da Cruz Leal, 57 anos, morador de Conceição da Feira e funcionário de uma fazenda localizada no bairro do Boqueirão, em São Gonçalo.
Walter estava no fundo da Van e com o impacto foi arremessado para fora, bateu a cabeça e morreu no local
De acordo com informações do socorrista Taffarel, o motorista da van, identificado como Cosme Rogério da Silva, 37 anos, morador das Sete Portas, relatou que estava estacionando para descer um passageiro quando o micro-ônibus bateu na traseira de seu veículo, que seguia sentido Feira de Santana, vindo a capotar por cerca de três vezes e bateu na varanda do Bar de Maranhão, às margens da rodovia. Ainda de acordo com o socorrista, além da vítima que foi a óbito e o motorista da van (ferido), cinco pessoas foram socorridas com escoriações e traumas leves, sendo encaminhadas para o Hospital Municipal de São Gonçalo.

Os feridos foram: Giovane Freitas, 21 anos, morador de Conceição da Feira, Rafaelle Gomes Pereira, 25 anos, moradora do Murici, Carlos Alberto Cerqueira, 42 anos, morador do Bairro Santo Antonio, Erivaldo Santos Queiroz e Andreia Boaventura Machado, ambos moradores do Murici. Todos sofreram escoriações e pequenos traumas e ficarão por 6h em observação no HMSGC. Ninguém do micro-ônibus ficou ferido.
A Van ficou completamente destruída (Fotos de Taffarel Socorrista)
A Polícia Rodoviária Estadual (PRE) também estava no local do acidente e acionou o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana para realizar o levantamento cadavérico. Não temos informações de quem causou o acidente.
Micro-ônibus envolvido no acidente (Foto: Ed Santos)
O motorista do micro-ônibus contou à polícia que a van estava parada em um ponto e pegava passageiros, no momento da colisão. Ele disse que não conseguiu frear a tempo e chocou no fundo do veículo.


Por Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo