residencial Renovação de matrícula nas escolas estaduais termina nesta quinta-feira - São Gonçalo Agora

Renovação de matrícula nas escolas estaduais termina nesta quinta-feira

Os estudantes da rede estadual que quiserem garantir a vaga nas escolas onde estudam têm até esta quinta-feira (30) para fazer a renovação de matrícula destinada ao ano letivo de 2018. O processo pode ser realizado pela internet, por meio do Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br), ou diretamente na unidade escolar onde o aluno está matriculado, tem frequência regular e está concluindo o ano letivo de 2017.
Renovação de matrícula nas escolas estaduais termina amanhã
Para a renovação, o estudante deve recolher a carta de renovação na secretaria da escola onde estuda, sinalizar a intenção ou não de permanecer na unidade escolar onde está matriculado e devolver o documento para a escola. No caso de menores de 16 anos, é necessário que os pais ou responsáveis sinalizem a permanência ou não do aluno na escola e assinem o documento para a devolução. A outra opção é o estudante ou responsáveis (no caso de menos de 16 anos) utilizarem o código disponível na carta para acessar o sistema e renovar a matrícula pela internet.

Segundo o coordenador da matrícula da Secretaria da Educação do Estado, Marcus Machado, a renovação é que vai garantir a vaga do aluno na mesma escola e no mesmo turno em que cursou em 2017. O estudante que não renovar a sua matrícula, não terá a vaga garantida na mesma unidade escolar e no mesmo turno para o ano seguinte.

Porém, de posse da carta que ele já recebeu da escola, utilizando o código contido no documento, poderá fazer a matrícula no dia 16 de janeiro, que é a data destinada à transferência dos alunos da rede estadual. “Portanto, a renovação é importante porque se trata do momento em que a escola vai identificar o interesse do estudante em permanecer naquela unidade em que está matriculado”. A matrícula para os alunos novos ou os da rede que irão mudar de escola acontecerá em janeiro de 2018.

Fonte; Ascom/Secretaria da Educação do Estado
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo