residencial Com três mortes no fim de semana Feira de Santana chega a 15 neste mês e 300 este ano - São Gonçalo Agora

Com três mortes no fim de semana Feira de Santana chega a 15 neste mês e 300 este ano

A polícia de Feira de Santana registrou três crimes violentos letais intencionais (CVLIs) no fim de semana, em Feira de Santana, elevando para 15 o número de homicídios registrados neste mês, na cidade, e para 300 no ano de 2017. Em todo o ano passado, foram registrados 358 homicídios e 17 latrocínios (roubo seguido de morte). O número de latrocínios este ano já ultrapassou o do ano passado, com 18 casos.

Por volta das 20h de domingo (12), Edvaldo da Silva Lima, conhecido como “Val”, foi assassinado na Estrada da Fazenda Conceição, no distrito Maria Quitéria. Ele foi baleado em várias partes do corpo. A autoria e o motivo do crime são desconhecidos.

Domingos de Oliveira Mendes, 39 anos, foi assassinado a tiros na tarde de domingo, no residencial Solar das Laranjeiras II, no bairro Mangabeira. Segundo a polícia, ele estava no apartamento onde morava quando desceu para comprar uma cerveja por volta das 13h. Ao retornar para casa ele foi surpreendido pelos autores dos disparos que disparam cerca de quatro tiros contra a vítima.

Domingos foi baleado na cabeça e nas costas e morreu em frente ao prédio. O corpo do adolescente de 17 anos, Jonatas Batista Santana, conhecido como Joni, foi encontrado na manhã de sábado (11), em um terreno baldio da Rua Porto dos Prazeres, no conjunto José Ronaldo, em Feira de Santana.

Segundo a polícia, ele e o amigo Ramon da Silva Guedes, 19 anos, foram baleados na noite anterior quando passavam de cavalo pela rua. Dois homens que estavam a pé saíram de uma casa abandonada e se aproximaram efetuando vários disparos. Baleado em duas partes do braço, Ramon conseguiu fugir e foi socorrido para o Hospital Geral Clériston Andrade, onde continua internado. Jonatas morreu no local e o corpo só foi encontrado no dia seguinte.

Informações dos repórteres Aldo Matos e Ed Santos


Compartilhe no Google+

Sandro Araújo