Gestores escolares participam de formação em Educação do Campo em Feira de Santana - São Gonçalo Agora

Gestores escolares participam de formação em Educação do Campo em Feira de Santana

Cerca de 180 gestores das unidades escolares da rede estadual que ofertam Educação do Campo estiveram participando, até esta quinta-feira (13), de uma formação sobre Educação do Campo, no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães e no Instituto de Educação Gastão Guimarães, em Feira de Santana (101 km de Salvador). A iniciativa também conta com a participação de coordenadores pedagógicos dos Núcleos Territoriais de Educação (NTEs).

Este é o segundo módulo do curso. Com a atividade, os gestores participantes irão repensar o currículo e o Projeto Político Pedagógico (PP) das unidades escolares em que atuam, no sentido de contribuírem para o fortalecimento da modalidade. “Este encontro é essencial para os gestores, pois estão adquirindo novos conhecimentos teóricos e práticos para a implementação de uma gestão embasada nas concepções participativas e democráticas da Educação do Campo”, explica Cássia Margarete dos Santos, técnica da Coordenação de Educação do Campo da Secretaria da Educação do Estado.

Para a diretora Márcia Maria de Oliveira Almeida, do Colégio Estadual Antônio Carlos Magalhães, localizado na cidade de Antônio Cardoso (141 km da capital), a formação é muito importante. “A Escola do Campo tem a função de educar para além dos muros da escola e, por isso, deve-se estender a escola para a comunidade e romper com os isolamentos históricos. É preciso pensar a Escola do Campo como um sistema, em rede, com olhares contemplando diversas dimensões, buscando atender as diferentes demandas, de acordo com cada especificidade”, afirma a gestora.

Já o diretor Sérgio Andrade Garrido, do Colégio Estadual João Baptista Carneiro, localizado no distrito de Ipuaçu (135 km de Salvador), acredita que a formação “é uma forma de compreender a identidade cultural, buscando a transformação social para as crianças, jovens e adultos do Campo Brasileiro”, destaca.

Educação Campo – Na Bahia, a Educação no Campo está presente nos 417 municípios baianos, em 705 escolas e 595 anexos. Dentre as ações desenvolvidas destacam-se: formação de professores dos anos iniciais do ensino fundamental das escolas do campo, implantação do Programa de Bibliotecas Rurais – Arca das Letras, Programa Estadual de Apoio técnico financeiro às Escolas Famílias Agrícolas (EFAs), formação de professores que atuam em escolas/classes multisseriadas - PRONACAMPO/Escola da Terra e outras.

ASCOM
Secretaria da Educação do Estado da Bahia
Compartilhe no Google+

About Sandro Araújo