residencial Deputado Zé Neto rebate acusações de Germano e fala de suas ações em São Gonçalo e região - São Gonçalo Agora

Deputado Zé Neto rebate acusações de Germano e fala de suas ações em São Gonçalo e região

O Deputado Estadual Zé Neto (PT) concedeu entrevista à Rádio São Gonçalo AM nesta sexta-feira (28), dois dias após o prefeito de São Gonçalo, Carlos Germano (PP), ter afirmado durante entrevista ao programa Planeta Notícia, ao meio dia e na mesma emissora, "que o deputado é culpado por tudo que não chega em termos de investimentos a São Gonçalo dos Campos". Embora a citação de seu nome tenha ocorrido ao meio dia, horário em que o deputado deveria ter utilizado o direito de resposta, a participação aconteceu no programa O Pulo do Gato, pela manhã, devido à urgência em esclarecer o que foi dito pelo então prefeito e também por estar com sua a agenda "apertada" e apenas com disponibilidade pela manhã.

Logo no início de sua participação, Zé Neto rebateu as acusações do prefeito Carlos Germano, que faz parte de seu grupo político, dizendo que "sempre deu e continuará dando toda atenção ao prefeito, salientando que o mesmo é assessor de seu adversário político, o Deputado Estadual Carlos Geilson (PSDB), seu amigo pessoal e que respeita muito".

Zé Neto continuou dizendo que "trabalhou fortemente junto aos companheiros do PT para te apoiar [Germano]. Você quando diz que eu vim para cá e não fiz nada, eu fico triste, e não só eu, o nosso governo. A maior intervenção da história dessa cidade, foi a vinda do (CIS) Centro de Distribuição do Subaé". O deputado afirmou que teve envolvimento direto com o Governo Jaques Wagner (PT), para a vinda de investimentos na evolução industrial, geração de empregos nessas indústrias e ainda na implantação de cerca de 50 km em rede de água em São Gonçalo. Falou também sobre sua participação como interlocutor direto na legalização do transporte alternativo da cidade, com a ajuda do presidente da Câmara Municipal, o vereador Joca mais o PT local, e que segue para os tramites finais.

A entrevista foi completamente voltada para o campo político e o contrário do que muitos ouvintes imaginavam, prevendo o início de um grande duelo entre as duas autoridades. Zé Neto esclareceu tanto sua ausência durante a campanha de Germano quanto suas ações no que diz respeito aos incentivos dos dois governos do PT para a cidade. Houve espaço até para conselho, quando disse que "nesse momento de dificuldade que o prefeito passa, ele deve tentar agregar mais, e não adianta sair nem ameaçando, e nem tentando apagar a história de quem vem trabalhando por esse município" [Zé Neto].

Para ouvir a entrevista na íntegra acesse o play abaixo.




Por Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

About Sandro Araújo