Criança internada com suspeita de febre maculosa em Feira de Santana recebe alta - São Gonçalo Agora

Criança internada com suspeita de febre maculosa em Feira de Santana recebe alta

A menina de 3 anos que foi internada no Hospital Estadual da Criança em Feira de Santana, com suspeita de febre maculosa, que pode ser transmitida pela picada de um carrapato, recebeu alta no início da tarde desta quarta-feira (26). O Bahia Notícias chegou a publicar de forma equivocada às 11h desta quarta-feira (26) a morte da criança. Após entrarmos em contato com a redação do portal mais o Hospital Estadual da Criança, a publicação foi corrigida.

A febre maculosa pode ser transmitida pela picada de um carrapato, suspeita que surgiu após os pais encontrarem um exemplar do animal na cabeça da criança. O carrapato encontrado é da espécie "estrela", que geralmente aparece em animais de grande porte como bois e cavalos. A doença causa, entre outros sintomas, náuseas, febre alta, erupções nas mãos e nos pés.

Em entrevista ao G1 nesta quarta-feira (25), "o pai da criança contou que a menina começou a passar mal no dia 16 de julho, quando teve febre de 40 graus. Ele também disse que a criança teve diarreia e vômito. Primeiro, os pais disseram que acharam que a criança tinha comido algo que não tinha feito bem. No entanto, no dia seguinte, a menina piorou e acabou sendo internada no Hospital Estadual da Criança, onde a suspeita da febre maculosa foi levantada".

Ainda conforme o G1, uma amostra de sangue da criança foi recolhida e encaminhada para a Secretaria Municipal de Saúde, que já enviou o material para análise do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), localizado em Salvador. O resultado do exame deve ficar pronto entre 30 e 40 dias. A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) informou que nunca foi registrado no estado casos de febre maculosa.
Compartilhe no Google+

About Sandro Araújo