residencial Investimentos em segurança, esporte e lazer transformam rotina em Santa Inês - São Gonçalo Agora

Investimentos em segurança, esporte e lazer transformam rotina em Santa Inês

Reforço no policiamento, ruas pavimentadas, novos sistemas de captação e abastecimento de água e melhorias em unidades escolares fazem parte do conjunto de benefícios recebidos pela cidade de Santa Inês e outros municípios do Vale do Jiquiriçá. As inaugurações e entregas foram realizadas pelo governador Rui Costa, nesta quinta-feira (2), em visita ao município.

Para fortalecer a segurança pública na região, cinco novas viaturas foram agregadas à frota da Polícia Militar, beneficiando companhias de Santa Inês, Maracás, Brejões, Irajuba e Nova Itarana. O governador destacou a importância do reforço ao policiamento, atendendo uma demanda da população dessas cidades e da própria corporação. "Essas viaturas estão renovando as frotas das polícias Militar e Civil em todo o estado. Embora estejamos vivendo um momento de crise e queda na arrecadação, estamos estabelecendo prioridades e a segurança é uma delas", ressaltou.
Quem vive e caminha pela cidade de pouco mais de 11 mil habitantes, percebe e aprova as obras de urbanização da sede, onde também foram entregues a reforma da Praça Cláudio Hegger e a pavimentação do bairro Nova Santa Inês. É o caso de Naíde Vilas Boas, moradora do bairro recém-pavimentado. "Aqui era tudo sujo, cheio de terra. Quando chovia ficava com muita lama. Hoje está bem melhor, limpo e pavimentado".

No distrito de Lagoa Queimada, uma nova realidade para mais de 170 famílias que passaram a ter água tratada chegando até suas casas, após a implantação do sistema simplificado de abastecimento de água da localidade. Ainda na área de abastecimento, Rui Costa assinou a ordem de serviço para as obras de implantação do sistema alternativo de captação de água da Cachoeira do Inferno, que deve complementar o abastecimento em Santa Inês e Cravolândia e tem investimento de aproximadamente R$ 700 mil.

Segundo Rui, as ações na área de abastecimento são uma das prioridades do Governo do Estado, por se tratar de um bem essencial. "Água para nós é prioridade, pois é sinônimo de vida, saúde e desenvolvimento no campo. Por isso nossos investimentos", enfatizou.
Ainda em Santa Inês, foram entregues pelo Governo do Estado 100 barracas para a Associação de Artesãos Helena Lemos e a reforma e cobertura da quadra poliesportiva da Escola Municipal Euvida Cerqueira. As inaugurações foram acompanhadas pelos secretários estaduais do Esporte, Trabalho, Renda e Emprego (Setre), Álvaro Gomes, e da Infraestrutura Hídrica e Saneamento, Cássio Peixoto, além de prefeitos e outras autoridades da região.

Com atenção especial à educação na capital e interior do Estado, antes de se despedir de Santa Inês o governador Rui Costa visitou o Colégio Estadual Antônio Carlos Magalhães, onde foi recebido pelos estudantes com apresentações artísticas e da Fanfarra Águias Independentes da Bahia, formada por alunos. A unidade tem cerca de mil estudantes matriculados nos ensinos fundamental e médio, além da Educação de Jovens e Adultos (EJA), e se destaca por projetos que mostram a integração entre estudantes, professores e famílias dos alunos.
A boa estrutura, diversidade de espaços didáticos, esportivos e de lazer e a integração com a comunidade já renderam premiações nacionais e estaduais para a unidade de ensino, entre elas o título de Melhor Escola Pública da Bahia, reconhecimento ofertado pelo Ministério Público do Estado.

Para o diretor, Hérmerson Eloi, todas as qualidades são resultado de trabalho focado na humanização e participação da comunidade estudantil e famílias. "Nós temos uma política educacional voltada para o respeito e a humanização de toda comunidade. Os alunos são protagonistas nesse processo. Trabalhar o ser humano como um todo é mais importante que educar somente alunos", comentou.

Além das salas de aula, o colégio conta com biblioteca, laboratório de informática, área de leitura a céu aberto, salão de jogos, refeitório e uma pequena capela. Todos os espaços são monitorados em tempo integral por 52 câmeras de segurança espalhadas pela escola.

Repórter: Eudes Benício
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo