Governo vai pagar R$ 15 milhões em prêmios por desempenho para policiais - São Gonçalo Agora

Governo vai pagar R$ 15 milhões em prêmios por desempenho para policiais

O Governo do Estado vai pagar R$15 milhões para 9.884 servidores das polícias baianas. O Prêmio por Desempenho Policial (PDP) é uma iniciativa que visa à valorização dos integrantes das forças de segurança estaduais. Ele será destinado a profissionais que atuam em dezenove Áreas Integradas de Segurança Pública (Aisps) que bateram a meta semestral de redução dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) em 6% e de duas que bateram a submeta de diminuição entre 3 e 5,9%.

Passando para as Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp) serão quatro premiadas. As Risps Atlântico e Central, ambas em Salvador, a Risp RMS e a Sul. O pagamento será lançado em folha especial no mês de maio.

Com o objetivo de estimular e ampliar a diminuição desses índices criminais, o prêmio, com as novas regras estabelecidas ainda em 2015, será distribuído da seguinte forma: 50% estão garantidos se a Aisp em que ele atuar atingir a meta ou reduzir homicídios; 25% se a Risp cumprir a meta; e os outros 25% se todo o estado cumprir a meta.

No segundo semestre, com a mudança do PDP, determinada pelo governador Rui Costa, será definida uma nova meta de redução, sob a coordenação do Comitê Executivo do Pacto pela Vida, incentivando ainda mais os efetivos. As unidades que alcançarem a meta nesse período receberão o prêmio no mês de outubro.

Prisão de quase 20 mil suspeitos

O planejamento estratégico da Secretaria da Segurança Pública (SSP) do Governo do Estado resultou no aumento da produtividade policial estadual em 2015. Na comparação com 2014, o número de prisões em flagrante subiu 6,1%, totalizando 19.739 criminosos capturados. Foram cumpridos ainda 3.557 mandados de prisão, 52,9% a mais do que em 2014, além de 4.998 armas tiradas das ruas, dado 8,1% maior na comparação com o mesmo período.

De acordo com a SSP, cerca de cinco toneladas de drogas (maconha, cocaína, crack, entre outras) foram apreendidas pela polícia, na Bahia, em 2015.

Redução de crimes violentos

Além do aumento da produtividade policial, o ano de 2015 foi marcado pela redução de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs). De acordo com publicação desta sexta-feira (7) no Diário Oficial do Estado, das 52 Áreas Integradas de Segurança Pública (Aisp) 26 conseguiram redução de CVLI, além de duas que permaneceram com o mesmo número do ano anterior.

Os CVLIs englobam, além das ocorrências de homicídio, também latrocínio e lesão corporal seguida de morte, e tiveram diminuição de 1,1% na Bahia no ano passado, em comparação com 2014. As regiões que alcançaram diminuição foram as AISPs: Pituba (-57,1%), Santa Maria da Vitória (-28,9%), Lauro de Freitas (-25,5%), Brumado (-24,3%), Rio Real (-23,8%), Ilhéus (-22,3%), Eunápolis (-21,5%), Itapuã (-21%), Tancredo Neves (-20,7%), Feira de Santana (-20%), Pojuca (-17,3%), Dias D’Ávila (-16%), Itabuna (-13,6%), Liberdade (-13,1%), Camaçari (-12,2%), Guanambi (-8,3%), Brotas (-6,8%), Cruz das Almas (-6,8%), Nordeste de Amaralina (-6,7%), Simões Filho (-4,9%), Vitória da Conquista (-4,1%), Paulo Afonso (-1,8%), Itapetinga (-1,7%), Senhor do Bonfim (-1,6%), Candeias (-0,9%) e Serrinha (-0,8%).

São Gonçalo Agora/Secom-Ba
Compartilhe no Google+

About Sandro Araújo