residencial Altar de Nossa Senhora das Dores em São Gonçalo pode ficar pronto em abril, diz restaurador - São Gonçalo Agora

Altar de Nossa Senhora das Dores em São Gonçalo pode ficar pronto em abril, diz restaurador

A paróquia de São Gonçalo dos Campos, pertencente a Arquidiocese de Feira de Santana, está realizando uma reforma minuciosa em um dos altares de sua Igreja Matriz. De acordo com informações do pároco Pe. Miguel Francisco Amaral, o Altar de Nossa Senhora das Dores (em restauração) estava bastante danificado, com sua estrutura comprometida, e foi necessário interdita-lo até que um profissional fosse contratado para realizar a restauração.

Depois de 2 anos com o altar interditado, e também à espera de disponibilidade de profissionais experientes para o trabalho, a paróquia contratou os restauradores Luis Claudio Nunes Laranjeiras, da cidade de Maragogipe, e Edilton Mascarenhas Gomes, da cidade de Conceição da Feira. Os trabalhos tiveram início em julho de 2015.

O restaurador Luis Claudio falou para o São Gonçalo Agora que "está sendo feito um trabalho muito minucioso, e que devido ao estado avançado de degradação que se encontra a capela, muitas surpresas estão aparecendo e tudo precisa ser feito de forma bem cuidadosa. O cupim, principal inimigo da arte, estava acabando com a capela. O problema foi sanado, mas o estrago já foi feito. Após a restauração da capela, será a vez da imagem e, se não tivermos tantas surpresas, vamos ver se entregamos tudo pronto em abril deste ano".
Nossa reportagem não conseguiu informações sobre o valor do investimento na restauração do Altar de Nossa Senhora das Dores. O que se sabe até o momento, é que a ex-presidente da Festa de São Gonçalo do Amarante 2014, a empresária Lucidalva Pedreira (Loris), ao prestar conta de tudo que foi gasto com a festa naquele ano, deixou um saldo de R$ 13.617,79 (treze mil seiscentos e dezessete reais e setenta e nove centavos), quantia doada para a reforma do altar.

São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo