residencial Saúde de São Gonçalo faz capacitação em zika e microcefalia para médicos e enfermeiros - São Gonçalo Agora

Saúde de São Gonçalo faz capacitação em zika e microcefalia para médicos e enfermeiros

A Vigilância Epidemiológica de São Gonçalo dos Campos, com o apoio da Secretaria Municipal de Saúde, realizaram nesta quarta-feira (17/02), no auditório da Câmara Municipal, a capacitação "Zika Vírus e Microcefalia", para profissionais do Hospital Municipal e das Unidades de Saúde da Família.

De acordo com a técnica em referencia em enfermagem e professora da VIEP - Vigilância Epidemiológica Fabiana Porto, "o objetivo dessa capacitação é justamente informar e trazer orientações novas com relação ao Zika Vírus e Microcefalia para os profissionais de saúde que atuam em São Gonçalo. Discutir Manejo Clínico, Prevenção - Protocolo do Ministério da Saúde com todos os profissionais convidados." disse Fabiana Porto.

Dentre os temas abordados estão aspectos epidemiológicos das arboviroses; diagnóstico, tratamento e prevenção; diagnóstico diferencial com outras viroses; zika vírus e microcefalia. O Ministério da Saúde elaborou protocolo de atendimento para casos de microcefalia e definiu condutas e procedimentos. Assim como a dengue, grande parte das pessoas podem não saber que tem a doença, pois ela é assintomática em 80% dos casos.
Dr. Roquenei Purificação - Fisioterapeuta
O vírus Zika é transmitido principalmente pelo Aedes Aegypti, o mesmo da Dengue e da Chicungunya. A Secretaria Municipal de Saúde de São Gonçalo deflagrou uma série de medidas de combate ao mosquito, como ações de conscientização, limpeza e recolhimento de lixo (pneus, vasilhas plásticas e demais recipientes que sirva como moradia do mosquito).

Paralelamente, a população deve manter os cuidados nos imóveis, eliminando qualquer objeto ou situação que possa acumular água parada. A vigilância deve ser redobrada no período de chuvas e temperatura elevada, condições que favorecem a proliferação deste inseto.

De acordo com Ana Paula coordenadora de vigilância epidemiologia de São Gonçalo, um caso de Microcefalia foi detectado em um bebê durante o pré natal de uma gestante da cidade, que já deu a luz, e está passando por um acompanhamento para saber se a Microcefalia é proveniente da Zika ou não. As causas da microcefalia podem incluir doenças genéticas ou infecciosas, exposição a substâncias tóxicas ou desnutrição.
Ainda de acordo com a coordenadora, "a microcefalia é uma doença em que a cabeça e o cérebro das crianças são menores que o normal para a sua idade, o que prejudica o seu desenvolvimento mental, porque os ossos da cabeça, que ao nascimento estão separados, se unem muito cedo, impedindo que o cérebro cresça e desenvolva suas capacidades normalmente. A criança com microcefalia, pode precisar de cuidados por toda a vida, mas isso é normalmente confirmado depois do primeiro ano de vida e irá depender muito do quanto o cérebro conseguiu se desenvolver e que partes do cérebro estão mais comprometidas."

São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo