residencial Paróquia de São Gonçalo celebra 7 missas neste Dia de Finados - São Gonçalo Agora

Paróquia de São Gonçalo celebra 7 missas neste Dia de Finados

O Dia de Finados em São Gonçalo dos Campos contou com a celebrações de 7 missas, sendo uma delas no Cemitério Municipal, às 9h, e as demais nas Igrejas Católicas do município. Os celebrantes foram os padres Miguel Francisco (pároco) e Lucivan Pereira (vigário). A primeira missa ocorreu às 06:30h, e seguindo o cronograma da paróquia, outras ocorreram às 9h, 11h e 15h.

Centenas de fiéis estiveram no cemitério e visitaram os túmulos de seus entes queridos e amigos, e também participaram da celebração.

Dia de Finados

O Dia de Finados é o dia da celebração da vida eterna das pessoas queridas que já faleceram. É o Dia do Amor, porque amar é sentir que o outro não morrerá nunca.

É celebrar essa vida eterna que não vai terminar nunca. Pois, a vida cristã é viver em comunhão íntima com Deus, agora e para sempre.

Desde o século 1º, os cristãos rezam pelos falecidos; costumavam visitar os túmulos dos mártires nas catacumbas para rezar pelos que morreram sem martírio. No século 4º, já encontramos a Memória dos Mortos na celebração da missa. Desde o século 5º, a Igreja dedica um dia por ano para rezar por todos os mortos, pelos quais ninguém rezava e dos quais ninguém se lembrava.

Desde o século XI, os Papas Silvestre II (1009), João XVIII (1009) e Leão IX (1015) obrigam a comunidade há dedicar um dia por ano aos mortos.

Desde o século XIII, esse dia anual por todos os mortos é comemorado no dia 2 de novembro, porque no dia 1º de novembro é a festa de "Todos os Santos". O Dia de Todos os Santos celebra todos os que morreram em estado de graça e não foram canonizados. O Dia de Todos os Mortos celebra todos os que morreram e não são lembrados na oração. Palavras do saudoso Mons. Arnaldo Beltrami.

São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo