Enem 2015: saiba horário, local de prova e o que é vetado no exame - São Gonçalo Agora

Enem 2015: saiba horário, local de prova e o que é vetado no exame

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2015 será realizado em 24 e 25 de outubro. Em São Gonçalo dos Campos as provas serão aplicadas nas escolas: Escola Municipal Agripina de Lima Pedreira; Escola Estadual Polivalente; Escola Municipal Nini Dessa; Escola Municipal Reunidos Antonio Carlos Pedreira.

As provas ocorrem no sábado e no domingo, 24 e 25 de outubro. Os portões ficarão abertos das 12h às 13h (horário oficial de Brasília). Mas, dessa vez, as provas só começam 30 minutos depois do fechamento dos portões. Os sabatistas deverão chegar aos locais de prova neste mesmo horário. Suas provas, no sábado, serão aplicadas às 19h, também no horário da capital federal.

No primeiro dia, ciências humanas e ciências da natureza terão 4 horas e meia de duração. No segundo dia, linguagens, matemática e redação terão 5 horas e meia de duração.

Neste ano o Inep não enviou pelos Correios o cartão de confirmação da inscrição. É através dele que o candidato fica sabendo em qual escola vai fazer o exame.

O cartão terá que ser baixado ou consultado diretamente no site do Inep sobre o Enem. O cartão de inscrição não é obrigatório ou requisito para fazer a prova. Mas o Inep recomenda que o candidato ao menos anote todos os dados que nele constam (endereço, andar, número da sala e número do candidato).

Documentos obrigatórios
Para fazer a prova o candidato precisa apresentar um documento oficial com foto. Cópias, fotocópias ou impressões não serão aceitas. Quem teve o documento roubado ou extraviado precisa apresentar Boletim de Ocorrência.

Segundo o edital, os documentos de identidade previstos são: documento de cédula de identidade (RG) expedida pelas Secretarias de Segurança Pública, pelas Forças Armadas, pela Polícia Militar, e pela Polícia Federal; identidade expedida pelo Ministério da Justiça para estrangeiros; identificação fornecida por ordens ou conselhos de classes que por lei tenham validade como documento de identidade; Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), emitida após 27 de janeiro de 1997; Certificado de Dispensa de Incorporação; Certificado de Reservista; passaporte; Carteira Nacional de Habilitação com fotografia, na forma da Lei nº 9.503, de 23 de setembro de 1997; e identidade funcional em consonância com o Decreto nº 5.703, de 15 de fevereiro de 2006.

Roupas e acessórios
O MEC aconselha que os candidatos usem roupas confortáveis. Não há veto contra shorts ou chinelos, por exemplo. Por outro lado, não é permitido utilizar óculos escuros, relógios, nem artigos de chapelaria – boné, chapéu, viseira, gorro e similares.

Lápis e calculadoras são vetados
De acordo com o edital, o participante não pode portar: lápis, caneta de material não transparente, lapiseira, borracha, livros, manuais, impressos, anotações e dispositivos eletrônicos. São vedados: máquinas calculadoras, agendas eletrônicas ou similares, telefones celulares, smartphones, tablets, ipods, pen drives, mp3 ou similares, gravadores, relógios, alarmes de qualquer espécie, receptores ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados, imagens, vídeos e mensagens.

O que fazer com celular e outros objetos
O participante deverá guardar, antes do início do exame, em embalagem porta-objetos fornecida na sala de prova, o telefone celular e quaisquer outros equipamentos eletrônicos desligados e outros objetos proibidos.


Alimentação
Água e comida não são proibidas. O candidato deve se preocupar com sua própria alimentação durante a prova.

Saída do local de prova
A saída definitiva dos locais de provas está autorizada após duas horas do início do exame.
Quem quer levar o caderno de questões para casa tem que esperar até 30 minutos antes do término da prova.

Atendimento especial
Estudantes com baixa visão, cegueira, deficiência física, déficit de atenção e autismo, entre outras condições, puderam pedir no momento da inscrição atendimento especializado durante as provas do Enem. Gestantes, lactantes, idosos, alunos em classe hospitalar e sabatistas também têm o direito a atendimento específico desde que informem sua condição na inscrição.

Punição para faltas no Enem
Quem for liberado da taxa e faltar nos dois dias do exame em 2015 terá obrigatoriamente que pagar a inscrição em 2016.

Funções do Enem
O Enem é usado como critério de entrada em diversos programas federais. A prova substitui vestibulares no acesso a instituições federais de ensino superior. Também são exigidas as notas do Enem para o candidato que pretende uma bolsa de estudos pelo ProUni, para quem quer uma vaga gratuita no ensino técnico pelo Sisutec ou para quem vai tentar financiamento estudantil pelo Fies.
Quem tem mais de 18 anos pode usar o exame nacional para obter o diploma do ensino médio. E quem já está na faculdade precisa de boas notas no Enem para concorrer a bolsas de estudos no exterior pelo Ciência sem Fronteiras.

Sabatistas

Eles guardam o sábado por convicção religiosa, o que significa que só trabalham ou estudam após o pôr do sol. São, por exemplo, os adventistas e os judeus. 

“Acreditamos que no sétimo dia Deus descansou da criação do mundo, então para nós é um dia de descanso”, explica a orientadora educacional de um Colégio Adventista, Cleide Corumbá. “São princípios tratados na família, têm fundamento religioso, mas não é fácil para o jovem. Ter que se desprender, fazer diferente dos outros. E eles se sentem em desvantagem com isso, com o cansaço de ficar o dia todo recluso”, acrescenta.

São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

About Sandro Araújo