residencial Rádio São Gonçalo: Após perícia direção constata perda total de transmissor - São Gonçalo Agora

Rádio São Gonçalo: Após perícia direção constata perda total de transmissor

Foto Ronaldo Pinto
A perícia foi realizada por volta das 17:30h dessa sexta-feira (25). No local, foi recolhido duas garrafas pet ainda com resto de combustível e outros materiais encontrados na cena do crime. Todas as informações relacionadas a este ataque e o de 2007 já foram repassadas à polícia. O crime já está sendo investigado pelo delegado Eugenio Rocha e SI (Serviço de Investigação) da polícia civil do município.

Com a emissora fora do "AR", cerca de 218 municípios da Bahia estão sem acompanhar sua programação, que de acordo com os dados da empresa de pesquisas EQUALIP, realizada no período de 15/08 a 22/08 em São Gonçalo, a Rádio São Gonçalo AM 1.410 estava em mais um de seus melhores momentos de audiência, onde de acordo com a pesquisa de opinião pública foi constatado que 98% dos Sangonçalenses acompanham diariamente toda a programação dessa emissora.

Nos últimos meses a direção da emissora havia realizado algumas alterações em sua programação e a mesma estava apresentando 15 horas de jornalismo aos seus ouvintes. O principal assunto debatido na maioria dos programas eram assuntos políticos e assuntos ligados à violência, criminalidade e tráfico de drogas. Muitos desses debates eram voltados à São Gonçalo dos Campos.

DIZEM QUE NÃO EXISTE CRIME PERFEITO. EM SÃO GONÇALO ESPECIALMENTE PARECE QUE EXISTE SIM.

Nesta cidade já aconteceram assassinatos brutais, ataques, incluindo aqui o primeiro ao transmissor desta rádio no ano de 2007. Boatos na cidade dão conta que, "até mesmo crimes forjados pelas próprias vítimas ficaram impune. Sequestros e atentados, incêndio de veículos, avião jogando panfletos", dentre outros, foram casos que infelizmente não tiveram desfecho e os verdadeiros criminosos estão observando a todos nesse momento. Não se imagina outra coisa na cidade a não ser que a maioria desses casos estejam possivelmente ligados à disputa pelo poder.

O ataque ocorrido no Parque de Transmissores da Rádio São Gonçalo na madrugada dessa sexta-feira (25) foi para calar a voz, de quem sabe, determinado ou determinados profissionais da emissora. Alguém pagou para que outro alguém colocasse esta parte do plano em prática. Qual será a próxima?

Espera-se que as autoridades descubram o quanto antes. Pode ser que a pessoa por trás esteja também ligada a vários outros crimes nesta cidade.

VEJA AS IMAGENS FEITAS APÓS A PERÍCIA

Foto Ronaldo Pinto
Foto Ronaldo Pinto
Foto Ronaldo Pinto
RELEIA A MATÉRIA DESSA SEXTA-FEIRA

Pela segunda vez criminosos incendeiam transmissor da Rádio São Gonçalo
Toda população de São Gonçalo dos Campos e cerca de outros 217 municípios da Bahia estão nesse momento sem poder contar com a programação da Rádio São Gonçalo AM 1.410. Mais uma vez criminosos arrombam o Parque de Transmissores da emissora, localizado na Rua Bruno Lacerda, e atearam fogo no principal transmissor da rádio.

Segundo informações de moradores do local, o ato criminoso ocorreu por volta de 1h dessa madrugada (25). Ainda segundo informações, fortes barulhos foi ouvido vindo da casa dos transmissores, possivelmente, no momento em que arrombaram um dos portões para a consumação do ato. Um morador disse que chegou até ligar para a polícia, mas ninguém atendia. Quem praticou sabia exatamente o que precisava fazer. O principal transmissor foi incendiado e completamente danificado.

A direção informa que já prestou queixa na delegacia da cidade e agora aguarda a chegada da Polícia Técnica para a realização de pericia. Os prejuízos ainda não foram calculados, mas a direção da emissora adianta que pode ultrapassar a casa dos R$ 150 mil reais.

Em 55 anos no "AR", essa é a segunda vez que o Parque de Transmissores da Rádio São Gonçalo sofre esse tipo de atentado. O primeiro ocorreu em 2007.

Foto Sandro Araújo
Foto Sandro Araújo
Foto Sandro Araújo
Foto Sandro Araújo
São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

About Sandro Araújo