Policial Civil é assassinado pela própria esposa em São Gonçalo dos Campos - São Gonçalo Agora

Policial Civil é assassinado pela própria esposa em São Gonçalo dos Campos

O policial civil Mário César Pedreira Filho, 57 anos, conhecido como “Marão” (veja foto) foi assassinado por volta das 23h desta quinta-feira (20) em São Gonçalo dos Campos.

"Marão" foi morto dentro de sua própria casa, na Rua das Flores, bairro do Estádio e, segundo a polícia, a esposa do policial é a principal suspeita de seu assassinato. O corpo de "Marão" foi encontrado dentro do quarto do casal, e de acordo com informações preliminares a vítima foi atingida na boca por um disparo de arma de fogo, calibre "ponto 40".

Ainda de acordo com a polícia, o crime pode ter sido provocado por brigas entre o casal provocadas por ciúmes. A arma utilizada é de uso funcional do policial, que era lotado na Delegacia Territorial do município de Conceição da Feira, no recôncavo baiano. 

"Marão" já trabalhou também no Complexo Policial em Feira de Santana e São Gonçalo dos Campos.

Os dois filhos do casal, um adolescente de 17 anos e uma mulher de 24 anos estavam na residência e  são as principais testemunhas do crime. A acusada, de prenome "Meire" (foto acima) ainda não foi localizada. O caso será investigado pelo delegado Eugênio Rocha Viana Filho, titular da Delegacia Territorial desta cidade.


São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Foto do Facebook da esposa da vítima
Compartilhe no Google+

About Sandro Araújo