residencial Novo grupo político pretende dar um Up na política de São Gonçalo - São Gonçalo Agora

Novo grupo político pretende dar um Up na política de São Gonçalo

O novo grupo político de São Gonçalo dos Campos foi idealizado pelo presidente do PT - Partido dos Trabalhadores/São Gonçalo, o Sr. Teodorico Fernandes de Oliveira, vereador Rogério Falcão, também petista, e o prefeito Antonio Dessa Cardoso (PSD), além de outros integrantes.

A reunião para a oficialização do grupo aconteceu na noite desta quarta-feira (29/4) no Rancho Dona Flor, na localidade do Cedro, zona rural da cidade. Políticos, representantes de comunidades e associações, além de membros da sociedade civil também estiveram presentes, e testemunharam a criação do grupo. Esta foi a terceira reunião organizada, e a quarta já está com data marcada, que será no próximo dia 6 de maio, no mesmo local.

De acordo com informações de bastidores, o grupo é uma aposta para decidir o futuro político de São Gonçalo. "O grupo é neutro e o intuito é apresentar alguns candidatos ao cargo de vereador, escolher um nome para o cargo de prefeito, e trabalhar os nomes até junho de 2016. Se o nome para prefeito emplacar, será o candidato do grupo para as próximas eleições. Caso não emplaque, o grupo escolherá outro nome, desde que seja o melhor para São Gonçalo, iremos fazer a composição e apoiar", disse Furão.

Ainda de acordo com o prefeito, ele prestará seu apoio ao grupo e aos possíveis candidatos como coadjuvante, pois suas atenções também estarão voltadas, a partir de junho deste ano/2015, para o seu filho, o jovem João Pedro, que almeja o cargo de prefeito na cidade de Conceição da Feira.

O grupo foi batizado pela sigla GM (Grupo dos Mortos) mortos políticos. O nome se deu devido aos rumores de que tanto o prefeito quanto alguns outros políticos que integram o grupo, estão mortos politicamente. "Vamos ver aí o que vai dar. O GM pode até não fazer um prefeito, mas com certeza vai decidir as próximas eleições", disse Furão. De acordo com Teodorico Fernandes (PT), as reuniões estão sendo promissoras.

O prefeito Antonio Dessa está rompido com o governo do estado, e os motivos por ele apresentados são principalmente as obras inacabadas na cidade. Se esse rompimento não for um empecilho, existe uma grande possibilidade que o prefeito se desligue do (PSD) e aceite o convite do vereador Rogério Falcão, que é filiar-se ao (PT), atual governo do estado e País. O caso está em análise.

São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Foto de Erivaldo Oliveira
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo