residencial PM apresenta balanço anual e de fim de ano em São Gonçalo - São Gonçalo Agora

PM apresenta balanço anual e de fim de ano em São Gonçalo

O comandante do BPM/SÃO GONÇALO, PM Tenente Laerte, apresentou a imprensa o Balanço da “Operação Fim de Ano 2014”, e também o balanço anual, referente ao mesmo ano, onde o tenente denomina os trabalhos da Polícia Militar em São Gonçalo dos Campos como de altíssimo valor, se levado em conta a grande deficiência no efetivo enfrentado na cidade.

De acordo com o tenente a operação foi positiva. “Durante os dias em prática os policiais deram o máximo de si para garantir a segurança, principalmente no centro da cidade. Nesse período não houve nenhum registro de arrombamentos e assaltos. Blitz foram realizadas, tanto em lugares estratégicos como pela primeira vez, em vans do transporte alternativo da cidade, e nos locais mais visados pelos bandidos para a prática de assaltos. As rondas das motos patrulhas foi uma experiência bastante positiva, nas blitz alguns condutores tentavam driblar a polícia, mas eram facilmente alcançados e encaminhados para as devidas averiguações”.

BALANÇO 2014
Durante o ano de 2014 a Polícia Militar conseguiu resultados mais que significantes. De acordo com os dados da PM, pelo segundo ano seguido São Gonçalo tem os crimes violentos contra a vida reduzidos. Foram 09 homicídios registrados este ano, desses, porém, 03 foram decorrentes de intervenção policial, confronto com os bandidos. Dois pela PM e um pela PC. Vale salientar ainda que o município ainda sofre com os crimes que nada tem a ver com a cidade, são aqueles “herdados” pela proximidade com Feira de Santana, onde os envolvidos não tem nenhum vínculo com São Gonçalo, mas por se tratar de uma região erma e periférica constantemente são executados naquela região. Esse ano foram 4, quase a metade de todos os registros.

OUÇA A ENTREVISTA COM O TENENTE, ONDE ELE ACRESCENTA OUTRAS INFORMAÇÕES DOS TRABALHOS DA PM EM SÃO GONÇALO, A EXEMPLO DO TRÂNSITO.


Em 2012, quando o tenente assumiu o BPM, foram registrados 26 homicídios, 2013 15 e ano passado 9 homicídios. De 2013 para 2012 uma redução de 33%, de 2013 para 2014 53%, resultando em 64% de 2012 a 2014 segundo o tenente.

Além dos dados acima, a PM registrou também durante o ano de 2014 6 furtos de veículos, 31 roubos de veículos, 3 roubos a Bancos, 1 roubo a transporte coletivo e 1 roubo de carga em rodovia, 4 paredões "som automotivo" conduzido à delegacia, sendo que neste caso 3 menores foram advertidos por estarem bebendo bebida alcoólica, e 2 proprietários do estabelecimento foram flagranteados, e pra finalizar 20 veículos e 4 armas foram recuperados em 2014.

A diferença de "furto para roubo" é: uma figura de crime prevista nos artigos 155 do Código Penal Brasileiro, e 203º do Código Penal Português, que consiste na subtração de coisa alheia móvel para si ou para outrem, com fim de assenhoramento definitivo. No furto não há violência ou grave ameaça, que difere do roubo por ser praticado mediante grave ameaça ou violência a pessoa.

OPERAÇÃO FIM DE ANO
23 abordagens a topics e aproximadamente 300 pessoas revistadas, 76 motocicletas abordadas e aproximadamente 102 pessoas revistadas, 3 veículos apreendidos "cada um sendo conduzido por menores",

O problema de São Gonçalo é o mesmo no País inteiro. Falta de efetivo policial e estrutura. Atualmente o efetivo da PM de São Gonçalo é de 15 policiais (divididos por escalas) duas motos patrulhas e uma viatura para cerca de 35 mil habitantes. Outro grave problema é a cidade não ter delegacias. O prédio da PM está há anos interditado e os presos são transferidos para Feira de Santana. No caso dos policiais, segundo o tenente, sua meta é atingir, para melhorar os trabalhos, o número de 18 policiais militares e mais uma viatura em seu efetivo.

Veja o gráfico dos homicídios

São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo