residencial Nilsinho volta a atacar Furão em sessão da Câmara - São Gonçalo Agora

Nilsinho volta a atacar Furão em sessão da Câmara

E a guerra segue firme com relação à eleição para a presidência da Câmara Municipal de Vereadores de São Gonçalo dos Campos, atualmente presidida pelo vereador Gilson Cazumba (Escurinho). Pelo grupo de governo (situação), parcialmente fragmentado até que se prove o contrário, após as últimas eleições 2014, como candidato, desde a escolha da primeira candidatura, onde teve como vencedor o vereador Escurinho, está o vereador Carlos Cerqueira da Purificação (Ninho).

O curioso é que, além de Ninho, até um empresário e um ex-candidato a prefeito da cidade desejam alguém de sua confiança na presidência. Ou seja, em um grupo de 13 vereadores, existem confirmados três deles para concorrerem à presidência da casa, que são: vereador Nilnho e Cau de Lili, candidatos pelo mesmo grupo (situação), e pela oposição vereador Gonçalo, além de outros nomes extraoficiais a exemplo do vereador Rogério e Escurinho, também situação.

O vereador Nilsinho, oposição, criticou nesta terça-feira (11/11) de forma dura o comportamento do candidato do prefeito, o vereador Ninho, que segundo Nilsinho, o mesmo agiu de forma ditatória na sessão do dia (04/11), ainda quando discutiam a data para a eleição da presidência da casa legislativa. De acordo com Nilsinho, ele não votará no candidato do prefeito, pois caso ele seja eleito, “será aberta uma sucursal da ditadura nesta cidade, sendo que uma ficará na esquina da Avenida Aníbal Pedreira (prefeitura) e outra na casa legislativa”.

Especula-se que Nilsinho, Gonçalo, Joca e Lucivaldo votem contrário ao candidato do prefeito. A eleição acontece dia 26 de dezembro deste ano.

OUÇA O DISCURSO DE NILSINHO NA INTEGRA


São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo