residencial Campanha política ocupa lugar de pedestres na Cazuza Machado - São Gonçalo Agora

Campanha política ocupa lugar de pedestres na Cazuza Machado

Após a ação realizada pela Justiça Eleitoral e Ministério Público, com apoio da Polícia Militar, que resultou no recolhimento de 53 placas e cavaletes volantes de propagandas eleitorais, no município de Conceição da Feira, na tarde desta quinta-feira 04/09, o próximo alvo será o município de São Gonçalo dos Campos.


Por aqui, as possíveis irregularidades vêm acontecendo desde o início das campanhas. A Praça Cazuza Machado, Praça J. J. Seabra e Praça da Matriz são os locais mais denunciados por pedestres ao São Gonçalo Agora.

Placas de todos os tamanhos espalhadas por toda a calçada pública, impedem diariamente milhares de pedestres que circulam pelas praças citadas.

Nossa redação recebeu anonimamente nesta semana vídeo e fotos da situação. Em um dos vídeos é possível notar o malabarismo que é circular entre os materiais de campanha. Pessoas até descem da calçada, correndo o risco de atropelamento, para se desviarem dos cavaletes políticos.


De acordo com o TRE, Tribunal Regional Eleitoral, “a exposição de placas, estandartes, faixas, cavaletes e assemelhados, nas vias públicas e/ou de uso comum, a Justiça Eleitoral providenciará sua imediata apreensão e remoção, independentemente de prévia notificação ou comunicação ao candidato, partido político ou coligação interessados”.

Segundo o juiz eleitoral Dr. José Brandão Netto, essa operação abrangerá toda a sua área de atuação, e constatando as irregularidades, a Lei se fará valer imediatamente. Poluição sonora política, gerada por carros e motos de som e as pinturas eleitorais em muros na cidade (painéis), também já estão na mira da justiça.

Qualquer pessoa pode denunciar se constatar alguma irregularidade sobre o assunto.



São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo