residencial Moradores da João Durval reclamam de buraco aberto pela Embasa - São Gonçalo Agora

Moradores da João Durval reclamam de buraco aberto pela Embasa

Sábado (22) foi o Dia Mundial da Água, criado pela ONU (Organização das Nações Unidas) no dia 22 de março de 1992. O dia 22 de março, de cada ano, é destinado à discussão sobre os diversos temas relacionados a este importante bem natural. Mas porque a ONU se preocupou com a água se sabemos que dois terços do planeta Terra é formado por este precioso líquido? A razão é que pouca quantidade, cerca de 0,008 %, do total da água do nosso planeta é potável (própria para o consumo). E como sabemos grande parte das fontes desta água (rios, lagos e represas) está sendo contaminada, poluída e degradada pela ação predatória do homem. Esta situação é preocupante, pois poderá faltar, num futuro próximo, água para o consumo de grande parte da população mundial. Pensando nisso, foi instituído o Dia Mundial da Água, cujo objetivo principal é criar um momento de reflexão, análise, conscientização e elaboração de medidas práticas para resolver tal problema.

Vamos falar sobre São Gonçalo dos Campos. Aqui é bastante visível a preocupação da população em não desperdiçar este precioso liquido, até porque, pesaria muito no bolso. E a Embasa, será que está dando bom exemplo? Porque tanta demora em consertar um vazamento?

Nossa redação recebeu nesta manhã (24), mais uma denuncia da omissão da Embasa em prestar seus devidos serviços à comunidade Sangonçalense. De acordo com o material que recebemos, uma cratera foi aberta pelo órgão no bairro João Durval e há 5 dias a água vêm correndo a céu aberto. De acordo com o denunciante, o buraco oferece riscos às crianças que circulam pelo local. Moradores do bairro pedem providências, pois o mesmo encontra-se sem água.
Fotos enviadas pelo internauta
São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo