residencial Delegada e Tenente serão convidados a falar sobre Passeio Motociclístico - São Gonçalo Agora

Delegada e Tenente serão convidados a falar sobre Passeio Motociclístico


São Gonçalo viveu um verdadeiro alvoroço neste domingo (23) com a realização de um “passeio motociclístico”. 

Centenas de motociclistas saíram do distrito de Mercês, passaram pelo centro de São Gonçalo e retornaram ao distrito para encerramento do passeio. Na passagem pelo centro de São Gonçalo, foi registrado por diversas pessoas que passeavam pelas ruas, apreciavam as praças, e até mesmo por quem se encontravam dentro de suas residências o verdadeiro ato de vandalismo, assim por muitos denominado, praticado por cerca de 95% dos participantes do evento.

Motociclistas em cima da calçada e passeios, três pessoas em uma única motocicleta, falta de equipamentos de segurança, motocicletas sem placas, retrovisores, piscas, com descargas adulteradas provocando uma das maiores poluições sonoras que a cidade já viu. “Desde as primeiras horas da manhã era impossível realizar qualquer coisa que exigisse concentração e paz” disse M.S. A grande poluição emitida pelas motocicletas deste passeio transformou o centro da cidade e demais locais por onde passaram em um verdadeiro campo de guerra com tanto barulho.


Um comentário na rede social Facebook foi o estopim para centenas de outros comentários de repudio ao ato realizado. 

Na sessão desta terça-feira (26) na Câmara Municipal de São Gonçalo dos Campos, os vereadores Lucivaldo de Carvalho (PMDB), Gilson Cazumba (PR), Joca da SINDKOSAN (PSD), Nilsinho (PDT) e Gonçalo Raimundo (PSD) usaram parte de seus tempos para também repudiar a desordem praticada pela maioria dos participantes do Passeio Motociclismo.

O vereador e presidente da Câmara Gilson Cazumba, disse não ter patrocinado o evento, temendo acontecer o mesmo que no ano anterior, em 2013. E assim aconteceu.

Os vereadores citados demonstraram na sessão bastante interesse em saber o porquê de a polícia ter acompanhado o “Passeio”, presenciado as irregularidades e não ter aplicado o que a Lei determina. 

De acordo com os pronunciamentos dos vereadores Gonçalo Raimundo e Gilson Cazumba, ofícios serão enviados à Delegada Cristiane Oliveira e ao Tenente da PM Laerte convidando-os a prestarem esclarecimentos desses fatos no último final de semana. 

É como os vereadores disseram nesta terça-feira, São Gonçalo está cheio de Leis, não estão sendo é aplicadas.


São Gonçalo Agora/Sandro Araújo
Compartilhe no Google+

Sandro Araújo