residencial Transporte e Transito de São Gonçalo; dois grandes problemas da atualidade. - São Gonçalo Agora

Transporte e Transito de São Gonçalo; dois grandes problemas da atualidade.

Grave acidente na BA-414, que liga Pintadas a Ipirá
Sobre o trágico acidente em Ipirá, na tarde desta terça-feira (29), chamamos a atenção dos governantes de São Gonçalo dos Campos com relação ao transporte alternativo. No BA TV desta quarta-feira (30), além das irregularidades relatadas por usuários dos transportes que prestam serviço para Ipirá, clandestinidade aparece mais uma vez como uma das causas principais para o acidente.

Por que chamar a atenção dos governantes de São Gonçalo? Porque vivemos esse mesmo problema e consequentemente corremos os mesmos riscos, inclusive o de morte.

Exceto os ônibus que prestam serviços à nossa "rodoviária", enquanto não for realizada uma licitação para ofertar aos demais meios de transporte a licença para esse fim, todos são clandestinos.

Nas vans de São Gonçalo, o passageiro só tem a oportunidade de colocar o cinto de segurança se pegar o banco da frente. Nos demais acentos do veículo isso é impossível. Na maioria das vezes duas pessoas ocupam um único acento. E essa, é só uma entres as dezenas de irregularidades oriundas desses transportes. Ultrapassagens em locais proibidos, atendimento de celular ao volante, freadas bruscas para pegar ou desembarcar passageiros, alta velocidade em trechos perigosos também fazem parte dos atos perigosos de muitos condutores de vans em São Gonçalo.

Transporte em São Gonçalo é tido como um grande problema, até mesmo para as empresas que estão se instalando na cidade. Se as mesmas não optassem por oferecer o transporte para a condução dos funcionários, os meios de locomoção em funcionamento não teriam como suprir essa grande demanda o que resultaria no atraso maciço da maioria desses funcionários em seus respectivos postos de trabalho. Sangonçalenses vivem como verdadeiros retirantes em busca de uma vaga para retornar à sua cidade.

SOBRE O TRANSITO NA CIDADE
Sobre o transito na cidade o problema é desesperador. Na noite desta quarta-feira (30), por volta das 18h40min, uma viatura da PM causou um leve congestionamento, ao parar para um bate papo na Praça Padre Bráulio Seixas nos fundos da Igreja Matriz. No local, havia um ônibus estacionado em uma mão, e na outra, dezenas de motocicletas enfileiradas (local onde funciona um ponto de moto táxi). A viatura estava parada entre as motos e o ônibus, e por cerca de 5 minutos vários carros tiveram que passar um de cada vez assistindo um policial conversando com um transeunte.


Na noite deste ultimo sábado (26), um engarrafamento foi registrado na Praça Cazuza Machado. Um veículo pick up fiat strada estacionado em um local proibido e a menos de 5 metros de um cruzamento foi causador do episódio. O Vereador Gonçalo Raimundo presenciou os quase 10 minutos de transtornos aos condutores. O ônibus da empresa Santana ficou impossibilitado de fazer uma manobra, até que o condutor do veículo o retirou depois de questionar com o vereador “se ali não dava para ela [Santana] passar”. Logo em seguida estacionou o veículo em outro local proibido, que é ponto de parada até de viaturas da polícia militar.

Deve ser também por isso que ninguém leva a sério esse tema na cidade.



São Gonçalo Agora/Sandro Araújo

Veja as imagens extraídas do vídeo
Pick up Fiat Strada estacionada em um local proibido e impedindo a manobra de um ônibus
Ônibus passando no loca onde estava estacionada a Pick up Fiat Strada
Praça JJ Seabra também foi afetada


Após retirar veículo de lugar proibido, condutor estaciona em outro

O engarrafamento deu inicio do Banco Bradesco até a Farmácia São Roque


Compartilhe no Google+

Sandro Araújo